Crédito: Divulgação

A indicação literária da coluna Versátil dessa vez é a biografia “Eu sou Malala”. Malala foi uma das garotas mais jovens a receber um prêmio Nobel da Paz. A história dela é inspiradora e a tornou uma das figuras mais fortes e atuantes dos direitos das mulheres. Em 2012, Malala foi vítima de um ataque à queima-roupa, e muitos pensaram que ela não sobreviveria. Malala não só sobreviveu, como foi convidada a estudar em Nova York e, desde então, luta pelos direitos das mulheres.

Deixe seu comentário:

Versátil - Mariah Soares

Teatro

16/01/2021

Conheça   o legado de Marie Curie, Bertha Lutz, Rosalind Franklin e Hipácia de Alexandria na peça “Insubmissas – Mulheres na Ci&...

Cinema

16/01/2021

Confira na Netflix Aquarius (2016), de Kleber Mendonça Filho, que conta a trajetória de  Clara, uma recifense de 65 anos, viúva e jornalista aposentada. E...

Música

16/01/2021

Sempre é um bom momento para recordar a boa música e lá se vão vinte anos do estrondoso sucesso de Last Nite, da banda  The Strokes,  o seg...