O valor aplicado pelo governo na saúde pública fechou 2020 representando 15,94% das receitas (LC 141) contra uma obrigação constitucional de 12%. Em números absolutos, o governo aplicou no quadrimestre R$ 291 milhões a mais que o determinado.

Proporcionalmente, entretanto, a aplicação se apresentou menor que os 17,61% com que fechou o segundo quadrimestre quando registrou um investimento de R$ 263 milhões acima da determinação constitucional.

O governo fechou o ano gastando R$ 1,6 bilhão no setor de saúde do Estado, de um orçamento de R$ 1,7 bilhão. Destes, R$ 1,1 bilhão com recursos próprios.

Deixe seu comentário:

Ponto Cartesiano

 O volume de notas fiscais emitidas no Estado (de competência da Secretaria Estadual da Fazenda) somaram em 2020 o montante de R$ 164 bilhões e 168 mil...

Os deputados retomam a discussão sobre a criação de novos municípios no Estado.  Extraindo a inoportunidade do debate (Estado deve registrar nes...

O governo vai pagar os salários de fevereiro do funcionalismo no sábado. Segue o compromisso mantido por Mauro Carlesse desde a interinidade no governo até hoj...