Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
  • Home
  • Estado
  • Mauro Carlesse debate trabalho da Polícia Comunitária com representantes nacionais e internacionais
Estado

Mauro Carlesse debate trabalho da Polícia Comunitária com representantes nacionais e internacionais

O governador do Tocantins, Mauro Carlesse, recebeu nesta quarta-feira, 7, em seu Gabinete, no Palácio Araguaia, representantes de forças de seguranças do Tocantins, Bahia, Minas Gerais, e de representantes internacionais do Japão e do Chile, que participam do II Seminário Internacional de Polícia Comunitária do Estado do Tocantins, em Palmas. Durante a reunião, o chefe do Executivo conheceu com mais detalhes como funciona o programa de segurança preventiva promovido pelos profissionais de segurança pública com a comunidade.

“O tema da segurança é algo emergente e que precisa ser encarado com muita seriedade por todos nós. Acredito que esse trabalho junto à sociedade seja muito eficaz e que possibilitará garantir uma redução nos índices de criminalidade no nosso Estado. Acredito também que é necessário unirmos a esse projeto um trabalho de Governo voltado para a geração de emprego e oportunidade”, disse o Governador.

Mauro Carlesse destacou que pretende ainda acelerar o processo de industrialização do Tocantins, qualificar a mão de obra, além de reativar o programa Pioneiros Mirins. “Há uma equipe dentro do Governo formatando como será o novo Pioneiros Mirins. Esse é um programa muito importante para agregar valor e também dar mais oportunidades para o nosso público infanto-juvenil. Vamos conversar com a iniciativa privada para que ela também possa apoiar essa ideia”, garantiu.

Ao fim da reunião, o Governador Mauro Carlesse entregou para o comandante da Polícia Militar, coronel Jaizon Veras Barbosa, cinco veículos que vão servir como bases móveis para atuação da PM junto à comunidade no projeto.

Participaram da reunião com o Governador, o comandante da Polícia Militar do Tocantins, coronel Jaizon Veras Barbosa; o subsecretário de Segurança Pública do Tocantins, Wlademir Costa Oliveira; além do secretário de Segurança da Embaixada Japonesa no Brasil, Kenichi Suzuki; do coordenador de projetos da Jica, Nobuyuki Kimura; do carabineiro do Chile, major Gonzalo Urbina; do comandante de Policiamento da Capital de Minas Gerais, coronel Anderson de Oliveira; e do coordenador de Polícia Comunitária da Bahia, coronel Sebastião Lima.

Polícia Comunitária

A Polícia Comunitária é uma filosofia e uma estratégia organizacional que proporciona uma parceria entre a população e a polícia, baseada na premissa de que tanto a polícia quanto a comunidade devem trabalhar juntas para identificar, priorizar e resolver problemas contemporâneos, como crimes, drogas, medos, desordens físicas, morais e até mesmo a decadência dos bairros, com o objetivo de melhorar a qualidade geral de vida na área.

No Tocantins, o Programa de Polícia Comunitária foi lançado em Palmas, em 19 de janeiro de 2001. Desde 2002, os trabalhos de polícia comunitária se expandiram no Estado, com a criação de bases comunitárias fixas e dos Conselhos Comunitários de Segurança em diversas cidades tocantinenses, com destaque para Araguaína, Palmas e Porto Nacional.

Posts relacionados

MDB filia o Prefeito de Buriti do Tocantins ao partido

luizarmandocosta

Empresários da construção civil e vice-governador discutem PPPs  em habitação popular

luizarmandocosta

Missionário africano é destaque em Conferência sobre o Espírito Santo, na Capital

luizarmandocosta

Deixe seu comentário