Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
  • Home
  • Estado
  • Polícia Civil prende autores de homicídio no interior do Estado
Estado

Polícia Civil prende autores de homicídio no interior do Estado

Na manhã desta sexta-feira (28), a Polícia Civil do Tocantins, por intermédio da Delegacia de Pedro Afonso efetuou as prisões de Maria de Fátima Neres da Silva, de 23 anos e Rikeviny Ramos dos Santos, vulgo “Paulista”, de 20 anos.

Eles são suspeitos pelo homicídio que vitimou Wandson Conceição Milhomem, fato ocorrido no último dia 13 de dezembro, em Bom Jesus e foram capturados por policiais civis comandados pelo delegado Bernardo José da Rocha Pinto, mediante cumprimento a mandados de prisões temporárias.

Na mesma ação, os policiais civis deram cumprimento a um mandado de apreensão de um adolescente infrator de 15 anos de idade, o qual também é suspeito de envolvimento no crime. Conforme o delegado, o crime chocou a comunidade em razão da violência empregada, uma vez que Wandson foi morto com 15 golpes de faca e facão.

Segundo apontaram as investigações, a motivação para o bárbaro crime se deu em virtude de a vítima ter uma dívida de drogas com os autores. Ainda de acordo com as investigações, Maria de Fátima teria sido a mandante do assassinato e o adolescente e Paulista, os executores.

A mulher já responde por tráfico e receptação, sendo que o adolescente responde por ato infracional análogo ao crime de roubo. As prisões temporárias tem duração de 30 dias e a internação, 45 dias.

Ao serem ouvidos pelo delegado Bernardo, o adolescente e Rikeviny confessaram a autoria do homicídio, no entanto, Fátima disse que teve participação limitada no crime. “Após duas semanas de investigação, conseguimos desvendar a autoria e a motivação desse crime bárbaro que chocou a população da cidade de Bom Jesus e, dessa maneira, os três autores foram presos e o menor apreendido para que respondam pelos atos que lhes são imputados, conforme determina a lei”, ressaltou o delegado Bernardo José.

Após a realização dos procedimentos legais cabíveis, o adolescente infrator será encaminhado para o Centro de Atendimento Sócioeducativo de Palmas (Case). Maria de Fátima foi recolhida à carceragem da Cadeia Feminina de Pedro Afonso e Paulista será encaminhado para a Cadeia Pública de Guaraí. Os três suspeitos permanecerão à disposição do Poder Judiciário.

Posts relacionados

Escolas estaduais envolvem estudantes e comunidade em atividades da Semana do Meio Ambiente

luizarmandocosta

Polícia Civil deflagra operação Aza-zahr e apreende várias máquinas caça-níqueis em Palmas

luizarmandocosta

Antonio Andrade atende pedido e responde questionamentos da população de Porto

luizarmandocosta

Deixe seu comentário