Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
  • Home
  • Ponto Cartesiano
  • Governo decide fazer valer a Constituição: entrega a Luiz Edgar gestão do Fundo de Saúde que negava, na prática, a Renato Jaime
Ponto Cartesiano

Governo decide fazer valer a Constituição: entrega a Luiz Edgar gestão do Fundo de Saúde que negava, na prática, a Renato Jaime

O secretário Luiz Edgar Tolini saiu na frente de Renato Jaime: o governo publicou no Diário Oficial de ontem o Ato 1490 que coloca sob sua administração o Fundo Estadual de Saúde. Um orçamento de R$ 1,5 bilhão em 2018.

Renato Jaime era, oficialmente, o gestor, mas precisava todos os meses reivindicar da Secretaria da Fazenda a administração de verbas que, constitucionalmente, eram de sua competência gerir.

Ou o governo tem em Luiz Edgar maior confiança que teria no ex-secretário ou decidiu-se por seguir a lei. E aí seria, por similitude, obrigado a fazer o mesmo na Secretaria de Educação e cujo orçamento é, na prática, administrado pelo secretário de Fazenda, Sandro Henrique.

De outro modo: as ações subsequentes dirão se é uma coisa ou outra.

Posts relacionados

Governo que diz e o que faz o governo: pede a poderes redução de despesas e eleva gastos com salários em R$ 219 milhões no orçamento de 2019

luizarmandocosta

Senadores divididos: Irajá ausente, Eduardo Gomes vota em Bolsonaro e Kátia favorável a decreto que derruba flexibilização do porte de armas. Planalto é derrotado por 47 a 28

luizarmandocosta

Governo bem que podia aproveitar avaliação do TCE e corrigir execução orçamentária

luizarmandocosta

Deixe seu comentário